quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Cerimonialistas de Imperatriz recebem moção de aplauso

Como reconhecimento pela contribuição econômica, a geração de emprego, renda e muitos outros méritos, a Câmara Municipal concedeu moção de aplauso ao grupo de Cerimonialistas de Imperatriz na sessão desta quinta-feira (23). A homenagem foi uma indicação do vereador Chiquim da Diferro.

Representando o grupo, a cerimonialista Mara La-Rocque ocupou a Tribuna e declarou: “dia 29 de outubro foi o dia do cerimonialista, e hoje foi entregue esta moção de aplauso, é uma honra estarmos aqui na casa legislativa de Imperatriz, recebendo através do vereador Chiquim da Diferro essa homenagem que é o reconhecimento do nosso trabalho, que movimenta a indústria de eventos e gera centenas de empregos em nossa região”.


Para Mara, é muito importante que exista esse reconhecimento, esse cuidado, para que os cerimonialistas de Imperatriz possam sempre estar na vanguarda deste trabalho, pois a cidade distribui este tipo de serviço não tão somente à nossa região do sul do Maranhão, mas ao sul do Pará e ao norte do Tocantins. “É uma honra e um prazer pra todos nós estarmos aqui com vocês recebendo esta condecoração.


Francisco Brandão, cerimonialista oficial da Câmara Municipal disse que “É muito gratificante pra nós cerimonialistas de Imperatriz sermos homenageados, pois trabalhamos em muitos eventos, organizamos e agraciamos muitas pessoas, e agora a Câmara, hoje nos surpreende. Estamos muito agradecidos com essa moção de aplauso. Essa homenagem não é somente para uma pessoa, mas para todo o grupo de cerimonialistas”.


O vereador chiquim da Diferro que indicou a moção informou que sua intenção foi parabenizar e tentar fazer justiça aos profissionais que vivem no anonimato; “ São pessoas preparadas, que as empresas e os políticos só lembram na época de um grande evento. Gente que ajuda a gerar emprego e que envolve garçons, promotores, lojas de aluguéis de roupas, enfim, que ajudam muito a economia cidade. Vivem escondidos não porque queiram, e nós devemos dar valor e reconhecimento a essas pessoas”, disse.


O Presidente José Carlos Soares por sua vez agradeceu a presença de todos do grupo e informou: “Essa mesa diretora tem tanta preocupação e sabe o quanto é importante um cerimonialista, que criamos um cargo e contratamos o Brandão para cuidar da casa, pra nós é gratificante poder reconhecer o trabalho de todos vocês”, finalizou. [Sidney Rodrigues - ASSIMP

Deputado Wellington realizará Audiência Pública em Açailândia para discutir os direitos das pessoas com deficiência

“Acessibilidade e garantia de direitos”. É com esse objetivo que, após importante audiência pública que aconteceu na cidade de Imperatriz, atendendo também a solicitação do Movimento das Pessoas com Deficiência, o deputado estadual Wellington do Curso (PP) realizará audiência que abordará a temática na cidade de Açailândia. A solicitação também é fruto do pedido do Movimento das Pessoas com Deficiência, que busca maior efetividade de políticas públicas que garantam a inclusão e o cumprimento de direitos.

Para o deputado Wellington, o momento não pode de limitar à discussão.


“Muito se discute e pouco se faz. Muito se mostra em propaganda e pouco se efetiva. As pessoas com deficiência estão cansadas de se fantasiar uma acessibilidade que, na realidade, não existe. Enquanto deputado estadual, não posso efetivar as ações, mas posso fiscalizar e articular soluções para o problema. Certamente, a discussão é apenas o passo inicial rumo à efetividade de direitos”, disse Wellington.


A audiência pública acontecerá na próxima quinta-feira, 23, na Câmara Municipal de Açailândia e contará com a representatividade do Movimento das Pessoas com Deficiência, Ministério Público, Defensoria Pública, OAB, Governo do Estado, Prefeitura de Açailândia, Vereadores, entre outros.


Da Assessoria

Juiz é homenageado pela Câmara Municipal com Moção de Aplauso

A Câmara Municipal homenageou na sessão desta quarta-feira (22), com a entrega de Moção de Aplauso, o juiz Welinton Sousa Carvalho, titular da 4ª Vara Criminal da Comarca de Imperatriz. A honraria é indicação do vereador Fábio Hernandez (PSC), advogado, que trabalhou como assessor do juiz e do qual se tornou grande amigo.

O Juiz Welinton Sousa Carvalho usou a tribuna da Casa para agradecer a homenagem e destacar o trabalho harmônico e independente dos Três Poderes.
                       

Juiz Welinton Sousa Carvalho, titular da 4ª Vara Criminal, 
fala na tribuna da Câmara Municipal de Imperatriz


Sobre a atuação do magistrado, o juiz disse que “temos que aplicar a lei de maneira imparcial, de maneira serena, porque temos funções diferentes e porque nós somos diferentes no aspecto daquilo que se espera de nós”. “O magistrado tem que se preocupar muito em não se pronunciar sobre aquilo que ele vai decidir. Portanto, ele [magistrado] deve se resguardar”, observou.


Segundo o juiz, a função política “é diferente”. “Na função política, os senhores [vereadores] têm, inclusive, imunidade para se pronunciar. Nós, não”

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Shopping abre contratação de Papai Noel

Imperatriz – Neste final de ano, o Tocantins Shopping abriu vaga para emprego temporário. O empreendimento contrata pessoa para atuar como o Papai Noel. Os requisitos são: ter a partir de 30 anos de idade, morar na cidade, estar disponível entre os dias 01 a 24 de dezembro entre 16h e 22h. Como diferencial, o candidato deve gostar de criança e ter disposição para tirar fotos.


Os currículos devem ser enviados com fotos para o e-mailmarketing@grupotsceter.com até o meio dia deste sábado, 25. O salário será informado para os candidatos que forem convidados para a entrevista.


De acordo com o gerente de marketing do Tocantins Shopping, James Pimentel, “nessa época do ano, principalmente as crianças, gostam de tirar fotos com o bom velinho e estamos contratando esse profissional justamente para realizar esse papel. Além disso é uma excelente oportunidade para juntar dinheiro, principalmente nesse momento de crise”.


Revitalização do Calçadão em Imperatriz deve começar no início do ano que vem

O Secretário de Estado da Infraestrutura, Clayton Noleto, esteve em Imperatriz nesta quinta-feira (16), onde anunciou a revitalização de uma das principais referências para o comércio da Região Tocantina, o Calçadão. Depois de construído em 1979, esta será a primeira grande reforma.

Está prevista a cobertura da rua, inspirada em grandes centros, como Curitiba. A meta é começar as obras no início do ano que vem. Até lá, será realizada uma reforma emergencial para melhorar a infraestrutura e garantir mais conforto aos lojistas, trabalhadores e população em geral, além de impulsionar o movimento no comércio para as festividades do final do ano. 

A ação será complementada com a decoração natalina. Outros pontos recebem do Governo do Maranhão as luzes de natalal: os nove quilômetros da Avenida Pedro Neiva de Santana e a Avenida Beira-Rio. Os demais locais ficarão a cargo do município, como BR-010 e Bernardo Sayão. 

Fez parte da agenda do secretário Clayton Noleto uma entrevista coletiva, reunião com o prefeito Assis Ramos para tratar de parceiras para ações preventivas no período chuvoso e vistoria ao andamento da revitalização da Avenida Beira-Rio.

Entre as ações para o inverno está a limpeza dos córregos e riachos que cortam a cidade. O objetivo é melhorar o escoamento da águe e evitar alagamentos. As equipes serão mobilizadas na próxima semana para o início dos serviços, que são desenvolvidos todos os anos, desde 2015. Haverá ainda ações de melhoria na malha viária.

Para o prefeito Assis Ramos a população é a principal beneficiada com as parcerias. “O principal beneficiado com essas parcerias é o povo, que têm suas demandas atendidas. Estamos bastante satisfeitos e é assim mesmo que vamos construímos uma cidade melhor”, ressaltou.

Clayton Noleto mencionou a construção de um parque ambiental, previsto para o próximo ano. O projeto está em elaboração.

Ao soltar Curado, Ney Bello critica “desnecessário espetáculo das prisões”

Contribuição de Gilberto Lêda-
O desembargador federal Ney Bello – autor da decisão que garantiu a liberdade de Rosângela Curado (PDT), apontada como envolvida em desvios de R$ 18 milhões da Saúde estadual – criticou em seu despacho o que considerou “desnecessário espetáculo das prisões”.

Para ele, a pedetista não poderia ter sido presa em 2017 – e depois mantida presa por mais cinco dias – em virtude de crimes supostamente cometidos em 2015.

“Os fatos descritos na decisão judicial apontam para comportamentos tomados por ilícitos que foram praticados em 2015, razão pela qual se revela no todo incabível e abusiva a decretação de prisão cautelar no ano de 2017 em virtude de fatos pretéritos e albergada sob o etéreo manto da possibilidade de reiteração das práticas descritas”, argumentou o magistrado.

Abaixo, alguns trechos da sentença.

“Vislumbro para a ausência de contemporaneidade destas medidas, tendo em vista que, ao menos no que diz respeito a esta paciente, TODOS os fatos praticados por ela, na qualidade de servidora pública, ocorreram em 2015.

Conforme relatório do MPF às fls., 341 do feito original, a prática de pagamento de salários através de folha extra se deu em derredor do ano de 2015, quando a investigada ROSÂNGELA CURADO era Subsecretária de Saúde do Estado do Maranhão.

Observo, entretanto, que os fatos descritos na decisão judicial apontam para comportamentos tomados por ilícitos que foram praticados em 2015, razão pela qual se revela no todo incabível e abusiva a decretação de prisão cautelar no ano de 2017 em virtude de fatos pretéritos e albergada sob o etéreo manto da possibilidade de reiteração das práticas descritas.

Não é minimamente razoável requerer encarceramento de investigados por fatos ocorridos preteritamente, mencionando-se “desvio de verbas federais que estariam ocorrendo por meio de fraudes na contratação e pagamento de pessoal no curso dos ‘Contratos de Gestão e Termos de Parceria’ firmados com entidades de denominado terceiro setor” (Relatório Policial citado na decisão às fls., 2), quando o relatado, em sua quase totalidade – ao menos em relação a esta paciente – euida do ano de 2015, não do ano corrente de 2017.

Demais disso, já tendo esta Corte Federal tratado deste universo fátieo por duas vezes e havendo ação penal instaurada para tratar dos desvios mencionados na Ia Fase da Operação Sermão aos Peixes não se há de deeretar novas prisões eautelares a menos que haja eonçreta e específica descrição de novos fatos atribuídos aos investigados ou réus. Do contrário, não estaríamos distantes de estabelecer nada mais que descontentamento injustificado dos órgãos de investigação e do juízo proçessante para com as decisões do Tribunal Regional Federal da Ia Região.

O correto e o esperado é que fatos novos possivelmente criminosos, quando descobertos na instrução criminal ou em novo inquérito conexo, ou ainda mediante o artifício da prova emprestada sejam investigados com agilidade e com rigor, sem o desnecessário espetáculo das prisões a não ser que haja concreta e demonstrada necessidade de encarceramento”.

Rosângela Curado consegue habeas

                         

Na noite desta quarta-feira (22)  ex-subsecretária de Saúde do Maranhão Rosângela Curado (PDT)  conseguiu um habeas corpus no Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1).

Por tanto dentro de algumas horas estará em liberdade.

Uber chega à Imperatriz

Após muitas especulações, finalmente o serviço de táxi com baixo custo mais famoso do mundo aterriza em Imperatriz. Nesta quarta (22) a partir das 14h, os imperatrizenses já poderão solicitar corridas de vários pontos da cidade.
De acordo com informações já divulgadas pela empresa, corridas como do Centro ao Aeroporto custarão apenas R$11,00, e da UFMA até o Shopping Imperial, R$6,00.
Os estudantes comemoram a notícia. "Já utilizei bastante quando viajava para capitais e as corridas são bem mais em conta. Aqui em Imperatriz o serviço de táxi comum é muito caro, e o de táxi lotação foi proibido. Agora temos uma opção viavel", afirma Juliana Souza.

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Justiça concede habeas corpus ao radialista Renald Café

Em liberdade desde o fim da tarde dessa sexta-feira (17), após medida de um Habeas Corpus, o radialista Francisco Charles Renald Ribeiro Torres, conhecido como Renald Café, se manifestou neste sábado (18) por meio de uma nota. 

Ele disse que “está prestando todos os esclarecimentos e acatando sem medir esforços as determinações judiciais”. Ainda por meio da nota, o comunicador reafirmou “inocência e confiança no Poder Judiciário, se colocando à disposição, em tempo integral, das autoridades competentes”.

Renald ressaltou, também, que “todas as providências estão sendo tomadas no âmbito judicial de forma esclarecedora e transparente”. E finalizou, prometendo que, “assim que autorizado pelos profissionais que compõem a sua defesa, irá se manifestar aos veículos de comunicação que assim se interessarem”.

Renal Café estava preso desde o dia 29 de setembro, na Unidade Prisional de Davinópolis. Ele é acusado de praticar ato libidinoso contra duas crianças na cabine de uma rádio num shopping da cidade. Além dessa denúncia, pesam contra o radialista mais duas denúncias pelo mesmo crime, que surgiram após ele ter sido preso. 

Veja na íntegra a nota do radialista Renald café:

O Comunicador reitera ainda a sua inocência e reafirma a sua confiança no Poder Judiciário, se colocando à disposição, em tempo integral, das autoridades competentes.

Neste momento todas a providências estão sendo tomadas no âmbito judicial de forma esclarecedora e transparente.

Renald Café reafirma ainda o seu respeito e consideração pela imprensa maranhense e informa que, assim que autorizado pelos profissionais que compõem a sua defesa, irá se manifestar aos veículos de comunicação que assim se interessarem.

Imperatriz, 18 de novembro de 2017.

Assecom / Renald Café

Galeria de Fotos

 
Copyright © 2013 Blog da Kelly