domingo, 14 de fevereiro de 2016

Batalha contra o Aedes aegypti movimentou Imperatriz no sábado

Hemerson Pinto
Logo cedo a movimentação dos caminhões do Exército Brasileiro nas ruas da cidade chamou atenção por onde as tropas passavam. Os 450 militares foram divididos em equipes que percorreram os bairros considerados pela Secretaria Municipal de Saúde como de maior incidência de focos do mosquito. Nos próximos dias a operação deve continuar em outras regiões da cidade.
O bairro Caema foi um dos visitados. Os militares do 50º Batalhão de Infantaria de Selva (50º BIS) percorreram todas as ruas, entraram em residências e terrenos baldios na tentativa de eliminar qualquer chance de o mosquito se proliferar.
As ações também chegaram ao bairro Vila Lobão. De casa em casa, a força tarefa conscientizou moradores sobre os cuidados que devem ser tomados para não deixar o mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus encontrar locais propícios para se reproduzir.
No centro da cidade um grupo de estudantes da rede estadual de ensino realizou uma passeata alertando sobre os perigos do Aedes aegypti, mas antes fizeram uma verdadeira limpeza no Calçadão e centro comercial, onde recolheram objetos e materiais que poderiam acumular água e favorecer o surgimento do mosquito.
# Compartilhar: Facebook Twitter Google+ Linkedin Technorati Digg

Galeria de Fotos

 
Copyright © 2013 Blog da Kelly