sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Carnaval: Vendedores Ambulantes são orientados pela Vigilância Sanitária

As informações repassadas giram em torno de um Serviço de Alimentação Segura nos quatro dias da folia

Visando o bem estar da população por meio do trabalho preventivo, as equipes da Vigilância Sanitária do Município estiveram ontem (03) na Praça da Cultura orientando os vendedores ambulantes que vão comercializar alimentos no período de carnaval. O objetivo é capacitar os comerciantes e evitar problemas referentes a intoxicação alimentar, segundo explica a coordenadora do Núcleo de Alimentos do Órgão, Stefanne Jorge.

“Todas as orientações aqui repassadas são em torno da maneira correta de acomodação e manuseio dos alimentos, que tipo de molhos devem usar e também sobre higiene pessoal dos vendedores que inclui até mesmo a forma deles estarem apresentados, como por exemplo, limpos, usando toucas e aventais”, informa Stefanne ao ressaltar que na oportunidade eles estão assinando um termo se comprometendo a seguir as normas.

Segundo a coordenadora, o termo servirá também como cadastro para manter o contato com os vendedores. “Durante todo o ano realizamos palestras e capacitações voltadas para os diversos seguimentos de comercio alimentício da cidade, então a partir dessas fichas nós entraremos em conato com eles para que possam está se qualificando e oferecendo uma comida cada vez melhor para o imperatrizense”, ressalta.

Entretanto, de acordo com a coordenação da Vigilância, vale ressaltar que todas as orientações repassadas durantes os dois dias será cobrado no circuito da folia, pois os fiscais do órgão estarão vistoriando as barracas de comida comercializadas durante os quatro dias de carnaval no circuito Praça da Mané Garrincha – Praça da Cultura.

Portanto, é necessário que os ambulantes estejam atentos quantos aos cuidados necessários, pois dependendo do agravo encontrado, ele pode sofrer diversas sansões, entre elas, ser multado, ter a barraca apreendida ou perder a credencial de vendedor ambulante nas festas proporcionadas pela Prefeitura. Para auxiliá-los nos esclarecimentos, durante a ação a Vigilância distribuiu um ‘Guia Prático para um Serviço de Alimentação Segura’, baseado na Resolução RDC Nº 216/2004.
ASCOM
# Compartilhar: Facebook Twitter Google+ Linkedin Technorati Digg

Galeria de Fotos

 
Copyright © 2013 Blog da Kelly