quinta-feira, 21 de julho de 2016

Aluisio com parlamentares de Moçambique e Guiné Equatorial, durante o seminário

O deputado Aluisio Mendes participou esta semana, na Assembleia Nacional de Cabo Verde, do Seminário Internacional sobre Comércio de Armas, como representante do Congresso Nacional e do Brasil. O evento patrocinado pela Organização das Nações Unidas (ONU) contou com a participação de 50 países. 

O Tratado Internacional sobre Controle de Armas, que tem como propósito regular o comércio internacional de armas convencionais, foi o tema central do seminário. Assinado por 130 países, o TCA entrou em vigor em 24 de dezembro de 2014, mas até agora apenas 79 nações ratificaram o documento. O evento discutiu formas de estimular os parlamentos a confirmarem a adesão de seus países ao tratado.

No encontro, Aluisio Mendes disse que o governo brasileiro assinou e é defensor do tratado, que está tramitando na Câmara Federal para depois ser submetido ao Senado. “Nosso país também é vitima do comércio descontrolado de armas, que favorece os conflitos étnicos, as guerras civis, as ações de guerrilha e terrorismo e o crime organizado no mundo todo”, declarou ele. 

O deputado enfatizou que, para o Brasil, o tratado tem fundamental importância, pois com ele será possível cobrar dos países vizinhos maior controle das fronteiras na América do Sul, pois essas armas entram ilegalmente nos países e acabam nas mãos dos criminosos. “No Brasil, mais de 2 mil fuzis usados por criminosos são apreendidos a cada semestre, armas que entram ilegalmente no nosso país e são usadas por traficantes, facções criminosas, assaltantes de bancos e de cargas, ceifando milhares de vidas”, ressaltou.

Parceria

Aluisio Mendes aproveitou a oportunidade para reunir-se com o ministro da Administração Interna de Cabo Verde, Paulo Rocha, que exerce cargo correspondente ao do ministro da Justiça no Brasil. Na Academia Nacional de Polícia Federal, eles fizeram juntos o curso Gerenciamento de Crise. 



Paulo Rocha é policial de carreira, com vários cursos feitos na academia da Polícia Federal, por isso discutiu com Aluisio Mendes a possibilidade de aprofundar uma parceria entre a PF e a polícia nacional de Cabo Verde. “Como agente federal, parlamentar e vice-presidente da Comissão de Segurança da Câmara dos Deputados, assumi o compromisso de iniciar as tratativas com o governo brasileiro para auxiliar na formação e capacitação de mais policiais de Cabo Verde pela Polícia Federal brasileira”, concluiu.
# Compartilhar: Facebook Twitter Google+ Linkedin Technorati Digg

Galeria de Fotos

 
Copyright © 2013 Blog da Kelly