terça-feira, 18 de julho de 2017

Governo em parceria com a prefeitura leva capacitações a produtores na Exposição Agropecuária de Porto Franco

Continuando o calendário de feiras e exposições agropecuárias na Região Tocantina, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima), está apoiando e participando da Exposição Agropecuária de Porto Franco (Expofran), que vai até o dia 22 de julho.


Nesta exposição, a Sagrima estará realizando capacitações a produtores rurais, nas cadeias produtivas contempladas pelo Programa Mais Produção. A programação inclui cursos de horticultura com foco em Agroecologia, piscicultura e fruticultura voltada para o cultivo da banana, além da oficina de produtos derivados de leite.

Todas essas iniciativas são promovidas em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e com a prefeitura de Porto Franco, com quem a Sagrima mantém convênio para assistência técnica e gerencial a 1550 propriedades no Programa Mais Produção. “O Senar e a Sagrima estarão juntos em um estande onde vamos criar fomento para peculiaridades da região, uma oportunidade de divulgar os produtos da Sagrima e do Senar, como por exemplo, o programa Mais Produção que temos em parceria, além disso, estaremos levando conhecimentos para que a região continue crescendo e melhorando cada vez mais”, pontuou o presidente do Senar/MA, Luiz Figueiredo.

Dia de Campo

Encerrando a participação do Governo do Estado na Expofran, será realizado um Dia de Campo de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF), no dia 22 (sábado), na Fazenda Ouro Verde, assistida pela Sagrima na cadeia de carne e couro.

O sistema de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF) é uma das inovações que estão disseminadas pela Sagrima na cadeia da bovinocultura de corte. Essa tecnologia já vinha sendo adotada por grandes produtores locais e agora está sendo difundida entre pequenos e médios. Trata-se de uma metodologia de produção para recuperação de áreas alteradas ou degradadas, integrando os componentes lavoura, pecuária e floresta, em rotação, consórcio ou sucessão, na mesma área. Assim, o solo pode ser explorado economicamente durante todo o ano, favorecendo o aumento na oferta de grãos, de carne e de leite a custos mais competitivos.

Incentivo a feiras e eventos agropecuários

São quase R$ 2 milhões em investimentos do Governo do Maranhão para estimular a realização de feiras, exposições e festivais agropecuários. Esses recursos fazem parte da ampla política de apoio ao setor produtivo maranhense por meio de ações Sagrima e da Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP).

“O Governo do Maranhão apoia todos os eventos que desenvolvam o agronegócio do estado. Iniciamos agora o calendário de feiras agropecuárias da Região Tocantina, começando em Imperatriz com a Expoimp e se estendendo posteriormente por outras regiões”, explica o titular da Sagrima, Márcio Honaiser.
# Compartilhar: Facebook Twitter Google+ Linkedin Technorati Digg

Galeria de Fotos

 
Copyright © 2013 Blog da Kelly