quinta-feira, 14 de setembro de 2017

“Setembro Amarelo” começa hoje em Imperatriz

Campanha contempla ações de prevenção ao suicídio

Aberta oficialmente na semana passada, durante os desfiles da pátria, a campanha "Setembro Amarelo” abre suas atividades na tarde desta quinta-feira, 14, com palestra de oficiais do 50º Batalhão de Infantaria e Selva (50 Bis). A programação prossegue durante todo o mês e inclui panfletagem, blitzes e caminhada. Iniciativa da Prefeitura, através da Rede de Atenção Psicossocial do Município (RAPS), mobilização visa alertar sobre causas e formas de prevenção ao suicídio que tem registrado índices elevados em Imperatriz. 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 9 em cada 10 casos poderiam ser prevenidos. “Tem sido um mal silencioso, pois as pessoas fogem do assunto e, por medo ou desconhecimento, não veem os sinais de que alguém próximo está com ideias suicidas. Os números assustam, só na Ponte Dom Afonso Felippe Gregory, desde que foi inaugurada, já foram 10 suicídios. Não podemos ficar de fora dessa discussão” – ressalta o secretário de saúde, Alair Firmiano. 

Para a coordenadora da RAPS, Maria Aparecida, dados divulgados pela OMS são preocupantes. “Por ano, 804 mil de suicídio ocorrem no mundo, sendo que no Brasil 32 pessoas morrem por dia. É uma taxa superior às vítimas da AIDS e da maioria dos tipos de câncer. A cada 10 casos, aconteceram de 40 a 60 tentativas. É necessário que a pessoa busque ajuda e atenção de quem está à sua volta” – alertou. 

Nesta sexta-feira, 15, acontece um pit stop na Avenida Dorgival Pinheiro de Sousa, entre as ruas Pará e Amazonas, das 8h às 11h. Serão realizadas também palestras nas secretarias municipais, no Socorrão, faculdades, presídios e empresas privadas, conforme solicitações e agendamentos feitos no decorrer do mês, além de um ato em memória às vítimas de suicídio, na Ponte Dom Afonso, no dia 22, às 16h30 Encerramento será dia 30, com caminhada.

Para solicitar palestra, basta entrar em contato com uma das unidades da rede de saúde mental, CAPS III e CAPS AD III, na Rua Projetada, Parque Anhanguera; Ambulatório, na Rua Amazonas entre Luis Domingues e Benedito Leite, Centro, ou no CAPS/IJ (infantil), Rua Guanabara, Nº 2223, Bairro Três Poderes. 



Maria Almeida ASCOM/PMI
# Compartilhar: Facebook Twitter Google+ Linkedin Technorati Digg

Galeria de Fotos

 
Copyright © 2013 Blog da Kelly