Lista apresenta novos comendadores de Imperatriz - Blog da Kelly

Publicidade Top

sexta-feira, 13 de julho de 2018

Lista apresenta novos comendadores de Imperatriz

Instituída pela Lei nº 764, em 30 de junho de 1995, a Comenda Frei Manoel Procópio é a maior honraria concedida pelo Município de Imperatriz, devido ao aniversário de fundação da cidade. Na sua 23ª edição, a cidade contará com mais de 160 comendadores.

A entrega da medalha de mérito, cunhada em bronze, com escudo de Imperatriz, concedida pelo Poder Executivo Municipal, homenageia cidadãos que se distinguiram por serviços de excepcional relevância prestados à Imperatriz, proporcionando bem-estar social e grandeza material e espiritual de seu povo.
"Essa honraria simboliza o mérito das pessoas que foram e que são importantes para a cidade e, por isso, recebem esta justa homenagem do Município", observa o prefeito Assis Ramos. (Luana Barros-Ascom)

Conheça a biografia
dos homenageados:

Padre Francisco Rodrigues da Silva: Nasceu em 1969, no povoado de São Félix, em Imperatriz. Graduou-se em Filosofia, Bacharel em Teologia, Especialização em Filosofia e Desafios da Modernidade e em Políticas em Educação do Ensino Superior. Foi ordenado padre em 1999, na Paróquia do Sagrado Coração de Jesus, em Cidelândia/MA. Foi Pároco da paróquia Menino Jesus de Praga em Imperatriz e atuou como Promotor Vocacional da Diocese de Imperatriz. Diretor Espiritual do Encontro de Casais de Vivência Conjugal, movimento ECVC e do Apostolado da Oração de Imperatriz, Pároco da Paróquia Santa Teresa D'Ávila e é Promotor Vocacional da Diocese de Imperatriz/MA.
Ortopedista Daniel Pereira da Silva: Nascido em Imperatriz, em 1983, é casado com Bhárbara Nascimento e pai de um casal de filhos, João Pedro de Maria Luísa. Cursou a educação básica em Imperatriz, e formou-se em medicina na cidade de Araguaína - TO. Especializou-se em ortopedia e traumatologia, no Complexo Hospitalar do Mandaqui, em São Paulo, em 2012 . Em 2013, concluiu a subespecialidade em cirurgia de ombro e cotovelo. Logo em seguida, retornou a Imperatriz. Hoje, o Dr. Daniel lidera uma equipe de 20 cirurgiões ortopedistas, que estão à frente dos atendimentos em traumas realizados pelo Hospital Municipal de Imperatriz. O resultado pôs o fim a longas filas de espera por cirurgias no HMI.

Deputado José Sarney Filho: é maranhense de São Luís, formado em Direito pela Universidade Federal do Maranhão. Conquistou seu primeiro mandato parlamentar em 1978, quando foi o mais votado para deputado estadual. Na eleição seguinte, em 1982, obteve o primeiro dos seus nove mandatos consecutivos de deputado federal. Foi uma vez secretário de Estado, da pasta de Assuntos Políticos, e duas vezes Ministro do Meio Ambiente, e projetou-se mundialmente como um dos principais ambientalista do planeta. Obteve reconhecimento mundial pela luta contra as agressões à Floresta Amazônica. Desta última vez como ministro, viabilizou e agilizou recursos da ordem de vinte e dois milhões de reais para a implantação do Aterro Sanitário de Imperatriz e para a recuperação da área às margens da Estrada do Arroz, degradada ao longo das décadas pelo Lixão Municipal, e que já vem causando danos inclusive ao Rio Tocantins. Trata-se de uma emenda de bancada que provavelmente se perderia em virtude das dificuldades orçamentárias do País, mas que, pela sua interveniência, já está assegurada e vai proporcionar aos imperatrizenses uma obra fundamental e de efeitos benéficos por todos os tempos. 

Deputado João Marcelo Souza, 44 anos, casado com Wiltânia Guimarães, pai de João Pedro e Luiza, filho do senador João Alberto e de D. Therezinha. Psicólogo de formação, João Marcelo se dedicou à atividade política a partir 2014 quando eleito deputado federal. Defende como principais bandeiras a Saúde Pública, a Segurança, as Questões Sociais e o Municipalismo. Na Câmara dos Deputados participa das Comissões de Seguridade Social e Família; Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa e de Direitos Humanos e Minorias. Também integrou as Comissões de Turismo; Cultura; Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; a Subcomissão Especial para tratar das políticas de Assistência Social e Saúde da População Negra do País e a Subcomissão Permanente sobre Fontes de Recursos para incentivo à Cultura. Foi presidente da Comissão Especial que analisou o PLP 251/2005 (referente à despesa com pessoal na área da saúde). Atualmente é o primeiro vice-presidente do Conselho de Ética da Câmara dos Deputados. João Marcelo vem trabalhando em parceria com o senador João Alberto na destinação e liberação de recursos de emendas parlamentares. Juntos já indicaram quase R$ 200.000.000,00 (Duzentos Milhões de Reais) para as áreas da saúde, esporte, agricultura, infraestrutura urbana, desenvolvimento social, turismo e educação em diferentes municípios do Estado, dentre eles Imperatriz.

Presidente da Ascamari, Zezinho: 67 anos, nasceu em Matões-MA, e chegou em Imperatriz em 2008, filho de Francisco Lima de Freitas e Terezinha Ferreira de Lima. José Ferreira Lima começou sua trajetória na cidade de forma voluntária e sem pretensão de ser catador. Depois de limpar um lote no Bairro Cafeteira, observou que muitas pessoas recolheram o material reciclado ali deixado, e, a partir desse dia, ele percebeu a importância desses resíduos.
Após ler os artigos de ambientalistas contidos em uma cartilha americana sobre meio ambiente, Zezinho se interessou ainda mais pela reciclagem, foi quando, por meio do projeto Reciclando Vidas, da Cáritas, nasceu a Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Imperatriz (Ascamari), em 21 de abril de 2010, em que é presidente. Tem o objetivo preservar o meio ambiente, lutar pelos direitos dos agentes ambientais e sua organização, além da instalação da coleta seletiva.

Professora Izaura Silva: nascida em 1950 no povoado São Pedro, município de São Luís Gonzaga do Maranhão. Formada em Pedagogia, na UFMA de São Luís. Professora aposentada UEMA - Centro de Estudos Superiores de Imperatriz /CESI onde trabalhou 35 anos; pedagoga do Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia do Maranhão-IFMA/Campus Imperatriz. Militante fundadora do Movimento Negro no Maranhão, desde a década de 1980, e que culminou com a criação do Centro de Cultura Negra- CCN "Negro Cosme". Já foi líder da Pastoral da Pessoa Idosa da Diocese de Imperatriz. Colaborou com a formação de centenas de jovens imperatrizenses tanto na educação básica como no ensino superior. Já recebeu o Título de cidadã imperatrizense.

Arnaldo Bruno Oliveira: Nascido em 1985, em Imperatriz. Estudou nas escolas Santa Teresinha e SESI. Tomou posse como Oficial de Justiça do Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão, na comarca de Imperatriz, aos 20 anos de idade, função que exerceu de forma juntamente ao exercício do magistério para concursos públicos em cursos preparatórios. Em 2013, fundou aquele que se tornou o maior grupo concurseiro do país para troca de informações e conteúdos relacionados ao segmento (atualmente, com mais de 75.000 membros). Em 2015, fundou o Curso Mege que em poucos meses tornou-se referência nacional em aprovações. Atualmente, são mais de 1.300 aprovações para os cargos de Juiz de Direito, Promotor de Justiça, Defensor Público, Delegado de Polícia e Procurador do Estado e Município. Fundado em Imperatriz, o curso Mege tornou-se líder nacional com sedes em Fortaleza (CE), Brasília (DF), Governador Valadares (MG). Ainda em 2018, deve inaugurar novas estruturas no Rio de Janeiro (RJ), Curitiba (PR) e Porto Alegre (RS). O site do Mege recebeu mais de 11 milhões de visitas desde o seu lançamento, em 2015, até 03/07/2018. A base administrativa e tecnológica da empresa é situada em Imperatriz-MA.

Publicidade Rodapé