PCdoB pretende eleger 60 prefeitos em 2020 - Blog da Kelly

Publicidade Top

terça-feira, 19 de novembro de 2019

PCdoB pretende eleger 60 prefeitos em 2020

Com a aproximação das eleições de 2020 onde serão escolhidos prefeitos e vereadores em todo o estado, o deputado federal, Marcio Jerry, líder do PC do B, na bancada da Congresso Nacional, revelou, em entrevista a O Imparcial, de que forma o partido já começou a se articular para as eleições de 2020.

Durante a entrevista, o parlamentar afirmou que o partido pretende eleger 50 a 60 prefeitos; que o partido sairá com candidatura própria em São Luís e possivelmente em Raposa, Paço do Lumiar e São José de Ribamar que integram a Grande Ilha, além de projetar um cenário para as eleições de 2022 que o governador Flávio Dino pode seguir.

Perguntado de que forma o partido vem trabalhando para as eleições de 2020, Márcio Jerry fala que o PCdoB realizou conferências municipais para atualizar as diretrizes do partido para as eleições de 2020 em cada um dos municípios do Maranhão, renovar as direções partidárias, além de eleger delegados que participarão da conferência estadual que ocorrerá nos dias 22 e 23 de novembro aqui em São Luís. Fizemos 150 conferências municipais, temos cerca de 40 comitês que não fizeram conferências, mas que estarão presentes na conferência estadual. O partido projeta grandes conquistas eleitorais no ano que vem, repetindo a performance muito boa que o partido teve em 2016.

Sobre qual a pretensão do partido sobre o número de prefeituras, o presidente estadual da legenda afirmou que acredita que ficará “entre o patamar de 2016 [que foram 46 prefeituras], e um patamar um pouco superior. A conta mais previsível é que a gente tenha ai em torno de 50 a 60 prefeitos eleitos pelo partido no ano que vem”, afirmou Jerry.

“Em São Luís temos dois pré-candidatos a prefeito, o deputado federal Rubens Pereira Jr, atual secretário de Estado de Cidades e o deputado estadual Duarte Jr que são excelentes nomes e preenchem os requisitos partidários. Nós vamos no tempo certo definir qual dos dois vai ser escalado pelo partido para ser o nosso candidato a prefeito. O certo, é que o PC do B terá sim candidato a prefeito em nossa capital São Luís. Nós lançamos Flávio Dino em 2008 a prefeito de São Luís, fomos ao 2º turno. Em 2012 apoiamos Edivaldo Holanda Jr e vencemos com ele. Em 2016, nós apoiamos novamente Edivaldo Holanda Jr, indicando o vice-prefeito, o professor Júlio Pinheiro. O partido vem em uma crescente aqui em São Luís, ampliando nossos espaços, e é chegada a hora da gente apresentar um nome próprio do partido para a disputa da Prefeitura de São Luís. E vamos aprofundar as discussões agora em novembro e dezembro para ver se em janeiro a gente já tem a definição desse nome”, pontuou o parlamentar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade Rodapé