Familiares de pacientes com Covid-19 participam de roda de conversa - Blog da Kelly

Publicidade Top

segunda-feira, 11 de maio de 2020

Familiares de pacientes com Covid-19 participam de roda de conversa

Familiares de pacientes com Covid-19 participam de roda de conversa
Com a prestação de serviços humanizados aos pacientes da Covid-19 em Imperatriz, a Secretaria Municipal de Saúde, Semus, por meio da coordenação do Hospital Municipal de Campanha realizou, dia 8 de maio, roda de conversa com os familiares dos doentes, na área externa da unidade. 
As visitas a pacientes internados com coronavírus, são proibidas devido ao alto poder disseminador do vírus. A ação preventiva tem objetivo de garantir a segurança de pacientes e familiares, ao mesmo tempo que diminui o fluxo de pessoas dentro do hospital. 
Diante da situação exposta, a coordenação do hospital oportunizou uma roda de conversa, para que os familiares entendessem a organização e funcionamento do hospital, medidas preventivas e de como seriam informados sobre o estado de saúde dos pacientes. 
Dentre as orientações estão as normas de rotina da instituição, equipe e estrutura do hospital (formada por 10 leitos de UTI e 49 de enfermagem). Sobre as medidas de prevenção, permanece o alerta em relação aos sintomas da Covid-19, que podem aparecer na família, após contato direto, transmissão e propagação do vírus e de como utilizar a máscara.  Já o boletim médico é repassado à família, na área externa do hospital, para que não haja riscos de novas contaminações.

A secretária de Saúde, Mariana Jales, informa que, “as ações fazem parte do Plano de Contingenciamento do Coronavírus. A transparência de informações e a humanização dos  serviços de saúde voltados à população é uma forma de amenizarmos a apreensão de familiares e pacientes, neste período de pandemia,  onde o isolamento social é fundamental para a recuperação do paciente”, conclui.  
Sobre as medidas de prevenção, o coordenador do hospital, Vitor Pachelle, pontuou como os familiares deverão se comportar em relação à continuidade da convivência do paciente em casa, procedimentos a serem adotados  e orientações preventivas; como o hipoclorito de sódio e higienização das mãos. Ele explica que a roda de conversa é um momento para sanar dúvidas e levar um pouco de conforto.
“A ação surgiu de forma conjunta com os demais servidores, para que pudéssemos orientar os familiares, retirar dúvidas sobre a doença e falar um pouco sobre o ambiente. Essa é uma fase difícil para familiares e doentes. Neste momento, nós somos a família desses pacientes, então a criação desses vínculos são fundamentais para o processo de tratamento”, enfatiza.
Sensibilizados e emocionados com o momento, familiares e funcionários do hospital finalizaram a roda de conversa com uma oração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Publicidade Rodapé